CNJ julga denúncia sobre o concurso do TJ-MG no próximo dia 17

0
87
Print Friendly, PDF & Email

 

O processo que pede a anulação do concurso para juízes substitutos do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG), movido por uma candidata, deve ser julgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) no próximo dia 17 de agosto. Segundo a denúncia, há indícios de irregularidades na condução do processo seletivo, que podem ter beneficiado parentes de magistrados, conforme mostrou reportagem exclusiva do jornal O Tempo. Entre as falhas que estão sendo analisadas pelo CNJ, estão a publicação do edital por duas vezes, a realização de provas orais fechadas e a não-realização de sessão pública para a divulgação das notas.