Comissão debaterá tecnologia da informação e processo legislativo do futuro.

0
51
Print Friendly, PDF & Email

A Comissão Senado do Futuro debaterá na segunda-feira (9) a tecnologia da informação e o processo legislativo do futuro. A discussão, com início às 10h, será a primeira de uma série de quatro audiências públicas sobre o assunto. Para tratar do primeiro tema — “O futuro da democracia” — estão confirmados os secretários-gerais da Mesa do Senado e da Câmara dos Deputados, Luiz Fernando Bandeira de Mello e Silvio Avelino da Silva, respectivamente, além dos cientistas políticos Lúcio Rennó e Murillo de Aragão.

 

 

O senador Wellington Fagundes (PR-MT), presidente da comissão – a única a tratar de assuntos internos da Casa – afirmou que a audiência deve ouvir opiniões dos servidores e também do público externo sobre os novos caminhos tecnológicos a serem seguidos a favor do aperfeiçoamento do trabalho do Senado.

 

 

— Outra questão importante a ser debatida é a participação do público nos processos de elaboração das leis. O cidadão pode e deve conhecer e participar de todo o trabalho realizado em nossa Casa, fazendo ele mesmo parte na construção da democracia — disse Wellington Fagundes.

 

 

A audiência foi sugerida pela Secretaria Especial de Informática (Prodasen) em conjunto com a Secretaria-Geral da Mesa. Os dois órgãos do Senado pretendem antecipar as dinâmicas de trabalho para o processo legislativo no futuro, levando em conta, inclusive, o diálogo direto com a sociedade, facilitado pelos canais de comunicação atuais.

 

 

O debate sobre o segundo tema — “Indicadores para avaliação da atividade legislativa” — está marcado para 16 de maio, no mesmo horário e local. Devem também ser debatidos os temas “Impacto das tecnologias de informação e comunicação no processo legislativo” e “Novos mecanismos de participação popular”, ainda sem data. Segundo a comissão, os debates ocorrerão até o dia 15 de junho.

 

 

 

Fonte: Senado Federal.