Hotsite facilita participação na Audiência Pública da Mulher

0
19
Print Friendly, PDF & Email
O hotsite criado especialmente para a audiência pública “Diagnóstico da Violência Doméstica no ano de 2020 e estratégias para melhoria do sistema de proteção”, realizada pela Corregedoria-Geral da Justiça, em parceria com a Presidência e a Cemulher está no ar. O objetivo é facilitar a compreensão dos participantes e estimular o debate sobre o tema. A audiência será transmitida apelo youtube do Poder Judiciário de Mato Grosso. O link é facilitado pelo hotsite, https://audienciapublica.tjmt.jus.br/pagina/2. A audiência começa às 13h30, desta sexta-feira (09/04).
O desenvolvimento do hotsite que informa os objetivos do evento, convite, programação, palestrantes e seus currículos, além do link facilitado para acompanhar a audiência foi realizado pela Coordenadoria da TI do TJMT. Uma parceria entre vários setores do TJMT, como Cerimonial, TI, Infraestrutura e Comunicações da Presidência e da Corregdoria.
A juíza auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça, Christiane da Costa Marques, cuja pasta envolve a violência contra a mulher explicou que a audiência tem a finalidade de obter dados, sugestões, críticas e propostas sobre o tema. “Queremos dar ainda mais efetividade às políticas de combate à violência praticada contra a mulher. Nosso objetivo é reforçar a Rede de Proteção”, pontuou a magistrada.
Para isso ouvir a sociedade é essencial. Além da juíza de Rondonópolis, Maria Mazarelo Farias Pinto, titular da Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, também participarão, a tenente coronel da PMMT, Ativista feminina, Emirella Perpétua Souza Martins, a delegada do Plantão 24hs de violência doméstica e sexual de Cuiabá, Lizzia Kelly Ferraro, a delegada, Jozirlethe Magalhães Criveletto, que atua na área desde 2004 e a psicóloga da Delegacia da Mulher, Jaqueline Vilalba Fernandes. Ao final de cada um dos eixos será aberta oportunidade de manifestação às pessoas que já se inscreveram.
Acesse AQUI o hotsite.
Fonte TJMT