INSTITUCIONAL: Justiça 4.0: CNJ promove curso sobre as plataformas digitais do Poder Judiciário

0
20
Print Friendly, PDF & Email

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) realiza, no período 19 de abril a 30 de maio, curso EaD sobre Gerenciamento de Portfólio, Programas e Projetos de implantação da Plataforma Digital do Poder Judiciário Brasileiro (PDPJ-Br).

São 50 vagas voltadas para servidores das áreas negocial e técnica e interessados devem se pré-inscrever até o dia 9 de abril, sexta-feira, por meio deste link. Devido ao número limitado de vagas, as inscrições serão confirmadas posteriormente a uma seleção, para que o maior número de Tribunais seja contemplado.

Os certificados serão emitidos na própria plataforma de ensino para os alunos aprovados.

Participe!

PDPJ – Instituída pela Resolução CNJ nº 335 de 2020, a Plataforma Digital do Poder Judiciário Brasileiro compõe o Programa Justiça 4.0 e tem como principal objetivo incentivar o desenvolvimento colaborativo entre os tribunais, preservando os sistemas públicos em produção, mas consolidando a política para a gestão e expansão do Processo Judicial Eletrônico (PJe).

A ideia é modernizar o PJe e transformá-lo em um sistema multisserviço que permita adequações conforme as necessidades dos tribunais e que garanta, ao mesmo tempo, a unificação do trâmite processual no país.

Justiça 4.0 – O “Programa Justiça 4.0: Inovação e efetividade na realização da Justiça para todos” foi criado pelo CNJ com o intuito de promover o acesso a` Justiça por meio de ações e projetos desenvolvidos para o uso colaborativo de novas tecnologias e inteligência artificial.

A Justiça Digital propicia o diálogo entre o real e o digital para o incremento da governança, da transparência e da eficiência do Poder Judiciário, com efetiva aproximação com o cidadão e redução de despesas.

Saiba mais sobre o Programa no portal do CNJ.

 

Fonte TRF1