Juiz de MS participa de treinamento sobre segurança institucional em Brasília

0
72
Print Friendly, PDF & Email

 

De 26 a 28 de outubro, o Conselho Nacional de Justiça realiza um treinamento para abordar o tema segurança institucional e o juiz Thiago Nagasawa Tanaka, da Comarca de Amambai,  representa o Poder Judiciário de MS no curso.
 
O treinamento ocorre na Academia Nacional da Polícia Federal, em Brasília, para um número limitado de 30 juízes, que discutem atividades de inteligência, crime organizado, grave violação a direitos humanos (grupos de extermínio) e crimes conexos, programa de proteção à testemunha, conduta do protegido, Estatuto do Desarmamento (posse e registro de arma), armamento e tiro, além de uma demonstração prática  de direção ofensiva, evasiva e defensiva.
 
Thiago Tanaka foi convidado a participar do curso pelo Des. Vladimir Abreu da Silva, presidente da Comissão Permanente de Segurança Institucional do Tribunal de Justiça. A comissão foi criada por meio do Provimento nº 237, de 2 de agosto. É presidida pelo Des. Vladimir Abreu da Silva e composta por Carlos Alberto Garcete de Almeida, juiz auxiliar da vice-presidência, Albino Coimbra Neto, juiz da 2ª Vara de Execução Penal de Campo Grande, Wilson Leite Correa, vice-presidente da Associação dos Magistrados de MS (AMAMSUL), além do ajudante de ordens do TJMS, Ten Cel Paulo Rogério de Carvalho Silva.
 
Os integrantes estão trabalhando em duas linhas de ação: a vertente normativa, responsável pela regulamentação das ações, e a vertente executiva, que efetivamente viabilizará a decisões tomadas pelos membros.
 
Depois de determinar a implantação em todos os Fóruns do Poder Judiciário melhores sistemas de segurança, em parceria com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), a comissão providenciou um curso envolvendo atividades de inteligência e contrainteligência, permitindo a adoção de medidas que garantam a segurança dos magistrados.
 
O curso começou no dia 15 de outubro, com renomados profissionais na programação. Entre os palestrantes estão José Mandu Neto, Marcos Pinheiro da Silva, Luiz Sérgio da Silva, Ana Cláudia Oliveira Marques Medina,  André Matsushita Gonçalves e Antônio Carlos Costa Mayer.
 
Durante os módulos do curso, as aulas abrangerão temas como Organizações Criminosas, Histórico da Atividade de Inteligência, Gestão da Informação, Atividade de Inteligência, Contrainteligência, Busca Eletrônica, além de estudo de Caso e visita técnica.