MPs sobre acordos de leniência e contratos de concessão de energia serão votadas na terça.

0
75
Print Friendly, PDF & Email

As Comissões Mistas que analisam as Medidas Provisórias 703 e 706/2015 transferiram para a próxima terça-feira (10) a votação dos relatórios sobre as matérias. A análise estava prevista para esta quinta-feira (5).



A MP 703/2015 altera as regras dos acordos de leniência previstos na Lei Anticorrupção (12.846/2013). E a MP 706/2015 trata da prorrogação de concessões no setor elétrico. 



Entre as mudanças contidas no relatório do deputado Paulo Teixeira (PT-SP) sobre a MP 703/2015, estão o aumento da celeridade e maior estímulo aos acordos de leniência, além da participação ampla do Ministério Público nos processos.

 

 

 

A MP 706/2015 estabelece o prazo de até 210 dias para que o concessionário de distribuição de energia elétrica assine o contrato de concessão ou o termo aditivo, a partir da decisão do poder concedente pela prorrogação. O prazo previsto na Lei 12.783/2013 era de 30 dias. O relator da MP é o senador Edison Lobão (PMDB-MA), que apresentou parecer favorável à medida, com o acolhimento parcial de cinco emendas.

 

 

Fonte: Senado Federal.