OAB/MS e Fundect firmam convênio inédito para fomentar inovação e tecnologia jurídica no Estado.

0
69
Print Friendly, PDF & Email

O 1° Laboratório de Inovação e Tecnologia (LITech) criado em OAB no país agora firmou parceria com a Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect). A assinatura do convênio aconteceu nesta sexta-feira (15).

O Governo do Estado disponibilizará recursos, que serão concedidos diretamente aos proponentes, para implantação de projetos voltados à área de trabalhos do LITech, implantado pela Comissão de Inovação e Tecnologia Jurídica da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS). “É de extrema importância fomentar o ambiente de tecnologia e inovação na advocacia, aproximando a classe da sociedade e trazendo ganhos para todo nosso Estado”.

Para o Presidente da CAAMS José Armando, “a parceria é importante pelo momento que passamos de pandemia e isolamento social. A Caixa cedeu uma sala para os trabalhos da Comissão. Ficamos muito felizes com a nova parceria. É mais um serviço e beneficio aos advogados e advogadas”.

O Diretor-Presidente Márcio de Araújo Pereira explicou que o convênio traz segurança jurídica as ações que ocorrem hoje em dia. “O ambiente de inovação junto à OAB/MS atende uma demanda acerca de novas empresas e startups. Nosso objetivo é andar lado a lado com essas novas soluções jurídicas”.

A parceria com a Fundect, segundo o Presidente da Comissão de Inovação e Tecnologia Jurídica Bruno Eduardo Peixoto Lupoli, confirma o bom andamento dos trabalhos do LITech. “Esse convênio vai incentivar projetos na área de tecnologia e inovação não

apenas na Capital, mas no Estado todo. Agradeço a Diretoria pela oportunidade ter criado esse laboratório que agora receberá recursos da Fundect. O processo para inscrição deve começar na segunda metade de fevereiro. Poderão participar advogados e advogadas de todo o Estado”.

Segundo a Coordenadora do Projeto, a Presidente da Comissão de Direito Digital e Startup Dayane Fernandes Nascimento Lupoli, o objetivo é construir tecnologia e inovação. “Serão processos e métodos para advogar. A advocacia 4.0, tanto dita, na verdade, já passou. Estamos numa nova advocacia, principalmente nesse período de pandemia. Precisamos de uma ressignificação da profissão, com novos planos de carreira e gestão. Estabelecer a tecnologia, com ética, respeitando os limites da área de atuação para que todos possam ser respeitados. Equidade e equilíbrio tecnológico”.

Também participaram da reunião a Secretária-Geral Adjunta da OAB/MS Eclair Nantes, a Secretária-Geral Adjunta da CAAMS Janaína Pouso e a Conselheira Estadual Claudia Paniago.

Será aberto processo para inscrição de projetos em fevereiro no LITech. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3318-4845.

Fonte: OAB/MS.