Pesquisa vai traçar perfil de magistrados do Trabalho

0
74
Print Friendly, PDF & Email

 

Os juízes trabalhistas associados à Anamatra já podem participar de pesquisa que resultará em um diagnóstico da saúde e das condições do exercício profissional dos magistrados da Justiça do Trabalho.

A pesquisa foi elaborada pela Associação em parceria com a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep), da Universidade Federal de Minas Gerais, sob a coordenação  da professora Ada Ávila Assunção.

Serão avaliados diversos aspectos que podem prejudicar a saúde do magistrado em decorrência do trabalho e das novas tecnologias que vêm sendo adotadas. A estrutura física do local onde trabalha, seja nas Varas e até mesmo nos Tribunais Regionais do Trabalho, também será levada em consideração.

A partir da coleta das informações, em conformidade com os resultados que forem encontrados, a Anamatra deverá encaminhar e propor medidas adequadas junto ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), ao Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e ao próprio Conselho Nacional de Justiça (CNJ), bem como aos associados, de modo a equacionar os possíveis desvios, deficiências e pontos de colapso que eventualmente forem apontados.

Para participar da pesquisa o magistrado deve acessar o banner disponível na parte superior do site da Anamatra, e inserir a senha que esta sendo enviada para os e-mails dos associados desde o último dia 3 de novembro.

Fonte: Agência CNJ de Notícias com informações da Anamatra