TJMS amplia link de comunicação e cumpre Meta 9

0
83
Print Friendly, PDF & Email

 

O Tribunal de Justiça acaba de cumprir mais uma das metas prioritárias para o ano de 2010. Com a ampliação do link de comunicação cumpriu o estabelecido na Meta nº 9, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que estabeleceu aos tribunais do país ampliar para 2 Mbps a velocidade dos links entre o Tribunal e 100{7a3a68e1616b7aaba0d480ce0a8cac54774e7fddc429e25618f6fd9a5a093145} das unidades judiciárias instaladas na Capital e, no mínimo, 20{7a3a68e1616b7aaba0d480ce0a8cac54774e7fddc429e25618f6fd9a5a093145} das unidades do interior.

No dia 17 de maio de 2010 foi assinado um convênio entre o Tribunal e uma empresa de telefonia para ampliar o link de comunicação de todas as comarcas do Estado. A capacidade e a abrangência do link ultrapassaram, com folga, o estabelecido na Meta nº 9.

O investimento trouxe rapidez em especial para comarcas pequenas em que a capacidade de tráfego de dados era restrita, o que ocasionava em uma série de transtornos quanto à agilidade das tarefas que dependem de acesso ao Sistema de Automação da Justiça (SAJ), internet e intranet, por exemplo.

Com a crescente expansão de serviços on-line no Poder Judiciário estadual uma capacidade cada vez maior de tráfego de dados se faz necessária, isto para que diversos aplicativos possam ser acessados e utilizados ao mesmo tempo sem que a rede se torne lenta. Com a  nova aquisição, o Tribunal de Justiça trabalhará com um link de comunicação com sete classes ou camadas de serviços.

Com isso, será possível implantar um processo de gerenciamento de cada aplicativo na rede, definindo prioridades para cada um deles, ou seja, qual o percentual que cada programa ou serviço utiliza da capacidade total do link para que cada aplicação possa ser usada com o retorno mais rápido e sem interferir nos demais serviços.

Autoria do Texto: Departamento de Jornalismo